[Metamorfose]

Sendo Eu mesma

Quando decidi raspar a cabeça, o processo começou internamente. Decidi fazer um mergulho ainda mais profundo, transformando vários aspectos internos, retirando o véu, descascando as camadas, que já não estavam em consonância com quem sou na essência.

Fechando ciclos, finalizando relações sem sentido, dando início a um novo ciclo, com maior clareza, mais conexão, mais transparência em todas as relações.

Algumas pessoas criticaram, outras acharam feio, tiveram aquelas que se ofenderam, acharam uma afronta, algumas disseram coisas do tipo: “Quem vai te aceitar num trabalho deste jeito?”, “Homem não gosta de mulher com cabelo curto”… e por aí vai, no entanto, tiveram aquelas que se inspiraram a serem mais autênticas, verdadeiras, ousadas, assumirem riscos.

Sou grata a tudo e todos, pois com cada situação, cada pessoa que cruza o meu caminho, aprendo algo novo.

Já faz um mês que pedi para um querido raspar para mim, pois até neste momento, senti que seria bacana raspar num lugar que estivesse na mesma vibração. E neste período já cresci bastante (tenho muito ainda para crescer e evoluir), assim como o cabelo .

Merikol Duarte – Inspirar Ser
Caminhando mais leve

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s